Câmara Itinerante em São Paulo começa com manifestações

    0
    274

    O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, participa neste momento, na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, da segunda edição do programa Câmara Itinerante, que pretende levar deputados federais a diversas cidades do País para participar de debates com a população. Uma confusão marcou o início da sessão. Manifestantes tentaram invadir a audiência pública com o presidente.

    Cunha foi vaiado e chamado de homofóbico. Eles também gritavam: “O povo quer falar; Constituinte já”.

    O presidente criticou a manifestação: “A educação manda que é preciso escutar antes de se manifestar. Os intolerantes mostram que não estão a altura do lugar onde estão, que é o Parlamento. O objetivo do Câmara Itinerante é ouvir a população, ouvir propostas para levar a debates. A minoria não vai atrapalhar o interesse da maioria”

    A reforma política, a crise hídrica e o pacto federativo são alguns dos temas que serão debatidos na manhã desta sexta-feira. Durante o debate, o público poderá participar de fóruns promovidos pelo portal da Câmara na internet.
    A primeira edição do programa, na Assembleia Legislativa do Paraná, debateu na última sexta-feira (20) a reforma política e o pacto federativo.

    O vice-governador de São Paulo Márcio França disse que o Brasil de 50 anos atrás não permitia manifestações, e foi a política que permitiu alcançar os níveis de participação que temos hoje. “É do parlamento que sai as grandes soluções do Brasil”, afirmou França.

     

    Fonte: Agência Câmara Notícias

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here