Costa se diz ‘arrependido’ e fala em ‘dezenas’ de políticos envolvidos

    0
    240

    Em prisão domiciliar, ex-diretor da Petrobras foi levado para sessão de CPI.

    Objetivo da comissão era acareação com outro ex-diretor, Nestor Cerveró.

    O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa, um dos presos da Operação Lava Jato, se disse nesta terça-feira (2) “arrependido”, mas afirmou que não responderia a perguntas durante a sessão de acareação promovida pela CPI mista da Petrobras entre ele e o ex-diretor da área Internacional da empresa Nestor Cerveró. Aos questionamentos dos parlamentares, ele se limitou a afirmar, repetidamente, que tudo o que tinha a dizer estava detalhado nos depoimentos que deu por meio de delação premiada à Justiça Federal, sem revelar o conteúdo.

    Clique aqui e saiba mais…

    Fonte: G1

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here