PIB do Brasil sofre as maiores reduções de novo relatório da OCDE

156
0
sample-ad

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) acaba de revisar suas projeções de crescimento global de seus associados e alguns países não-membros, como o Brasil. As projeções estão melhores do que o último relatório publicado em novembro para boa parte dos países, mas o Brasil ficou fora dessa lista.

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro teve o maior corte nas projeções de 2015 entre os países pesquisados no mais recente relatório da OCDE divulgado nesta quarta-feira (18/03).

As estimativas para 2014 e 2016 eram de alta de 0,3% e de 2%, respectivamente, e passaram para 0,0% e 1,2%. De acordo com a organização, essa piora nos indicadores do Brasil é resultado do aperto monetário e fiscal que o país vem sofrendo, freando naturalmente a economia, e “do aumento das incertezas políticas”.

 

Clique aqui e saiba mais…

Fonte: CB

Comentários com Facebook

POST A COMMENT.